sábado, 28 de abril de 2018

Uareademon


Uareademon, Fam. 4, tordilho, RS, 2010, por Watchmon e Universal Rara por Ramirito de criação e propriedade do Haras Cruz de Pedra, imponente e equilibrado cavalo em seus 570 quilos quando em corrida, foi um arenático de excelente qualidade, obteve quatro vitórias, um segundo e um quarto em seis apresentações, nunca estando fora da pedra. Sua vitória na Polla de Potrillos – Maroñas - Uruguay foi seu principal feito.

Seu pai Watchmon, é um filho de Maria's Mom, com 18 - 4 - 3 - 3, teve em sua vitória no G3, Jamaica Handicap, grama, em 1800 m e o recorde em um Allowance, nos 2300 metros da grama de Gulfstream Park, os seus melhores resultados. Como reprodutor tem em Uareademon, de longe, o seu melhor produto e o consideramos um ponto fora da curva na produção de Watchmon. 

Seu avô paterno, o muito bom reprodutor Maria’s Mom (champion 2& old nos EUA), venceu o Champagne Stakes, G1, Belmont Futurity Stakes, G1 e o Sanford Stakes, G2, em que pese, ter sido precoce e ligeiro, notabilizou-se por ser um transmissor de resistência a seus filhos, produziu mais de 40 ganhadores clássicos.


Maria's Mom.


Seu avô materno Ramirito foi um excelente milheiro em sua época, quando enfrentou fortíssimos exemplares como Flying Finn, Falcon Jet, Villach King, Vuarnet, Houret, Similar, Lord Ronald, entre outros. Suas principais vitórias foram GP Estado do Rio de Janeiro, G1, 1600 m; Copa ANPC – Clássica, G1, 1600 m; GP Presidente Vargas, G2, 1600 m; Copa ANPC – Milha, G3, 1600 m e GP Costa Ferraz, G3, 1500 m. Na distância clássica foi 4. GP Cruzeiro do Sul, G1.



Ramirito em sua vitória na Copa ANPCC - Clássica.


Universal Rara possui 37,50% em ganhadores e colocados Black Type com 25% de vencedores nessas provas (números Stud Book), pertencendo a uma linha materna brasileira fundada por Urisca (élevage Paula Machado) que vêm se destacando de forma consistente em nossa criação principalmente através do ramo de Ola I Ask, abaixo comentada:

Ola I Ask, 40% em ganhadores e colocados Black Type com 13,33% de vencedores nessas provas (números Stud Book) é mãe de:

a - Grand I Ask

1. GP OSAF, G1, 2000 m,
1. GP Luiz Fernando Cirne Lima, G3, 1800 m,
2. GP Presidente Sylvio Álvares Pentado, G3, 2000 m,
3. GP Roberto e Nelson Grimaldi Seabra, G1, 2000 m.

b - Temmais Style

3. GP Presidente Luiz Oliveira de Barros, G2, 1800 metros.
mãe de:
     - Quartel General, 2. GP CPCCSP, G3, 2400 m.

c - Universal Rara, mãe de:

     -        Universal Law, 13 apresentações com 7 vitórias, 1 segundo e 1 terceiro, 1. GP São Paulo, G1, 2400 m,  1.GP Francisco Eduardo de Paula Machado ***, 1. G1, 2000 m, 1. GP Copa ABCPCC Clássica Mathias Machline, G1, 2000 m, 1. Copa dos Campeões, G2, 2000 m, 2. GP Presidente da República, G1, 1600 metros, 3. GP Latinoamericano, G1, 2000 m, 3. GP Estado do Rio de Janeiro ***, G1, 1600 m.
    -         Uareoutlaw, 6 apresentações com 3 vitórias, 2 segundos e 1 terceiro, 1. GP J Adhemar de Almeida Prado – Taça de Prata, G1, 1600 m, 1. GP Presidente José de Souza Queiroz, G2, 1400 m, 2. GP Juliano Martins, G1, 1600 m.
    -        Uareademon, sendo descrito.

d  -    Uai I Ask, 3. GP Copa dos Campeões, G2, 2200 m.

e - Xiririca da Serra, 33,33% em ganhadores e colocados Black Type com 22,22% de vencedores nessas provas (números Stud Book),

1. GP José Guathemozin Nogueira, G1, 2400 m,
3. GP Marciano de Aguiar Moreira, G1, 2400 m.
mãe de:

-         Jaspion Silent, 1. GP São Paulo, G1, 2400 m, 1. GP 14 de Março, G3, 2400 m, 1. GP Escorial, G3, 2400 m, 2. GP Farwell, G1, 1600 m, 2. GP Derby paulista, G1, 2400 m, 2. GP Almirante Tamandaré, G2, 2400 m, 2. GP Linneo de Paula Machado, G3, 2000 m, 4. GP Jockey Club de São Paulo, G1, 2000 m.
-         Kandido Hat, 2. GP FINAH, G3, 2000 m, 2. GP João Borges Filho, G2, 2400 m, 4. GP 14 de Março, G3, 2400 m, 4. GP Antonio Joaquim Peixoto de Castro JR, G2, 2400 m, 4. GP Almirante Marquês de Tamandaré, G2, 2400 m.

Quando surge uma mãe como Universal Rara o que se percebe é a observação de alguns, de que sendo ela uma Ramirito, um Clackson, em mãe Grimaldi, trata-se de uma eventualidade o seu surgimento. Mas, se formos mais a fundo e vermos que ela é o único elemento nascido que corresponde a cruza Ramirito-Grimaldi podemos perceber que o índice de acerto foi de 100% para o nascimento de uma mãe de inquestionável qualidade, e nessa mesma seqüência matriarcal ao vermos que Ola I Ask, outra excepcional mãe brasileira, também representa o único acasalamento de Grimaldi sobre filha Analogy, temos novamente 100% de acerto, e a percepção do surgimento de um novo ramo ventral, ou sub-família, no pool genético do PSI.

Obs: Não é objetivo desse blog apresentar estudos sobre linhas maternas, mas nesse caso cumpre destacar alguns ganhadores de provas de grupo a partir da fundadora Urisca, fora o ramo de Ola I Ask já tratado acima, são eles: Siphon – G1, Verinha – G1, Chang Tong – G1, Ivoire – G1, Poutioner – G1, Reselá – G2, Spring Star – G2,  Foix –G3, Alcazar – G3, Senateur – G3, Color Prospector – G3, dentre outros.


Uareademon além do bom mérito genético, foi um arenático de muita qualidade, tendo vencido aos 2 e 3 anos, dos 1400 aos 2300 metros.



 Uareademon em sua vitória na Polla de Potrillos.


                                                     Campanha 


2 anos

1. Prêmio Bubbly Jane, 1400 m, AMR, Cidade Jardim,

3 anos

1. Prêmio Buffalo, 1600 m, AMR, Cidade Jardim,
1. Copa ABCPCC – Regional, G3, 1600 m, AS, Tarumã,
1. GP Polla de Potrillos, G1, 1600 m, AM, Maroñas, Uruguai,
1. Classico Carlos Reyles, L, 2300 m, AM, Maroñas, Uruguai,

4 anos

2. Grande Prêmio Presidente Antonio Correa Barbosa, G3, 2200 m, AMR, Cidade Jardim,
4. Grande Prêmio Bento Gonçalves, G2, 2400 m, AM, Moinhos de Vento.



Uareademon em Maroñas.

Como adendo, após sua vitória na Polla de Potrillos Uareademon se golpeou na cocheira machucando uma mão e um joelho, que logo inflamaram, o afastando do GP Jockey Club (segunda prova da tríplice-coroa uruguaia). Uareademon, apesar de ser extremamente tranquilo, tem o hábito de se revolver na cama ao ser solto no box, e por seu grande tamanho... Após esse contratempo e pelo período de inatividade, foi apresentado no listed Carlos Reyles, como prova preparatória para o GP Nacional (terceira prova da tríplice-coroa), onde sofreu uma lesão e necessitou ser submetido a procedimento cirúrgico, seguindo para descanso no haras. Após 1 ano de parado retornou no Pres. Antonio Correa Barbosa quando foi segundo, levado ao Bento Gonçalves sentiu novamente a antiga lesão e foi retirado ao Cruz de Pedra para servir na reprodução.

Uareademon, é o típico exemplo de um indivíduo amparado por uma família materna consistente, fruto de um cruzamento que alguns consideram como de inferior qualidade por ser “outbred” e não carregar nomes da “moda”, a exceção de Mr. Prospector em sua quinta geração. Uareademon é aberto de sangue Northern Dancer, importante opção que deve ser considerada para planejamento de futuros cruzamentos. Uareademon herdou características de corrida de seus dois avôs, Ramirito, do qual é uma cópia fiel em seu tipo físico, e de Maria's Mom. Não é possível ver em Uareademon nada de Watchmon, quer seja em tipo ou características corredoras, não seria ilógico concluir que via Watchmon tenha herdado não só a pelagem, mas também a precocidade e velocidade de Maria’s Mom.

Em nossa opinião o Haras Cruz de Pedra fez a opção correta para pastor-chefe de seu campo de criação ao apostar suas fichas no tordilho Uareademon.