segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Ivoire




Ivoire, Fam. 4, castanho, SP, por Know Heights em Chan Tong por Hampstead, nascido e criado no Haras São José & Expedictus em 2003, propriedade de Carlos dos Santos e Haras LLC é dono de físico e pedigree irrepreensíveis, seu pai Know Heigths foi corredor de padrão interessante (1. Carleton F. Burke Handicap, G2, 2400 metros, grama e 2. Hollywood Turf Cup Stakes, G2, 2400 metros, grama) mas de notável gravitação como reprodutor entre nós, sua mãe é uma vencedora do Grande Prêmio Zélia Gonzaga Peixoto de Castro, G1, 2400 metros e digna representante da linha materna da excelente Reselá que vai até a grande matriarca do turfe brasileiro URISCA. Seu avô materno Hampstead, tríplice-coroado no Uruguai, é um filho de Heathen sobre uma das linhas maternas mais férteis em classicismo do turfe uruguaio, a de Yaguasa, a mesma de Immensity, Mogambo, Very Bissy... Como corredor Ivoire foi um parelheiro de grandíssima qualidade, tendo vencido dos 1600 aos 2400 metros; após sua consagração nos 2.400 metros do GP Cruzeiro do Sul - Derby brasileiro com vitória em tempo recorde até hoje mantido, 2m 23s 52d, se tornou o líder inconteste de sua geração ao derrotar o derby-winner paulista Quick Road.

Know Heights



Ivoire em sua vitória no Grande Prêmio Cruzeiro do Sul - Derby brasileiro.





Campanha:

2 anos

5. Prêmio Pres Marco Antonio Gomes de Carvalho, 1500 metros, GB, Gávea,
1. Prêmio Coray, 1600 metros, AB, Gávea,

3 anos

1. Prêmio Tufão, 1600 metros, GM, Gávea,
10. Clássico Justiça do Trabalho – 1 Região, L, 2000 metros, GP, Gávea,
12. Grande Prêmio Linneo de Paula Machado, G1, 2000 metros, GP, Gávea,
4. Grande Prêmio Frederico Lundgren, G3, 1600 metros, GP, Gávea,
12. Grande Prêmio Estado do Rio de Janeiro ***, G1, 1600 metros, GP, Gávea,
1. Handicap Haras São Vicente, 2000 metros, GM, Gávea,
1. Grande Prêmio Francisco Eduardo de Paula Machado ***, G1, 2000 metros, GB, Gávea,
1. Grande Prêmio Cruzeiro do Sul - Derby brasileiro ***, G1, 2400 metros, GM, Gávea,

4 anos

6. Grande Prêmio OSAF, G1, 2400 metros, GM, Gávea.

Obs. Nessa prova Ivoire se acidentou durante o percurso lesionando gravemente um tendão e foi afastado das pistas.

Como reprodutor mesmo em que pese o pouco número de filhos Ivoire já se destaca através de Quinhão, vencedor do Grande Prêmio São Paulo, G1, 2400 metros; segundo no Grande Prêmio Cruzeiro do Sul, G1, 2400 metros e quarto no Grande Prêmio Brasil, G1, 2400 metros. 

O criador brasileiro ainda não praticou o cruzamento que provavelmente esteja entre os melhores para Ivoire, Sadler's Wells, uma afinidade já comprovada no turfe mundial com a linha Mill Reef - Shirley Heights. Através de Quinhão Ivoire pode ter sinalizado que seu cruzamento com filhas de Wild Event, Bright Again e Christine's Outlaw bem como Ski Champ, todos Icecapade, possa ser um fértil caminho a ser trilhado.